antarvasna hindi

Jesus é o pão da vida

Jesus é o pão da vida

Alegrem-se no Senhor. Novamente direi: Alegrem-se!”

Ah irmãos, alegria foi o sentimento que compartilhamos em um culto tão abençoador! Alegria por estarmos aos poucos voltando para a nossa Casa, alegria por podermos mostrar nossa Casa, alegria pela Esperança que se renova em nossos corações, alegria pelas providências que o Senhor toma em nossas vidas. Alegrem-se meus irmãos, alegrem-se no Senhor pois Ele é quem nos sustenta!

O Culto foi dirigido pela Irrmã Emanuela Monteiro, a leitura bíblica em João 15.1 ao 12, nos faz pensar que se obedecermos ao Senhor e permanecemos Nele o amor do Senhor transbordará em nossos corações e a vontade Dele se realizará em nossas vidas.

Dando continuidade aos nossos avisos, continuamos com a campanha Há Esperança, com imensa gratidão a todos que contribuem. Que Deus abençoe suas vidas! Outro aviso foi um comunicado do Ministério de Louvor que estão confeccionando máscaras protetivas com a ‘marca’ da nossa Igreja, uma identificação que representa esperança por onde formos.

Meus irmãos, que alegria vermos o Ministério de Louvor (mesmo que com poucos integrantes) louvando ao Senhor em nossa Igreja, todos reunidos, com seus instrumentos, cantando louvores que nos retomam ao primeiro amor, ao Deus único e majestoso… e logo logo, estaremos todos juntos em nossa Igreja em um único coro, louvando e engrandecendo o nosso Deus!

Após o Momento de Louvor a oportunidade foi dada ao Pastor Evandi para a realização da Ceia, com alegria em nossos corações a celebramos, com gratidão ao nosso Deus por tão grande amor. Logo após a Ceia, a mensagem foi ministrada pelo nosso Pastor, tendo por base João 6. 35 ao 37, e por tema:

Jesus é o Pão da Vida

Momentos antes de Jesus declarar que É o Pão da Vida havia realizado a multiplicação dos pães, após toda a dispersão da multidão onde cada um deveria como costume dos judeus seguir para as suas casas ao anoitecer, a multidão segue Jesus até Cafarnaum, e é lá que surge uma pergunta incrível a qual intensifica a identidade do Senhor, e Ele ensina quem Ele é a todos eles, aos seus discípulos e a multidão.

No capítulo 6, versículo 27, Jesus começa a explicar sua identidade abrindo a mente das pessoas para que o entendessem… ao falar essas palavras o Senhor não se referia a comida física, mas metaforicamente usou a “comida que se estraga” como quem estava com Ele apenas para desfrutar daquilo por pequenos instantes, que não valem a pena se não saciam, no caso, não saciam a nossa alma, muito pelo contrário, esse ensino nos mostra como é importante nos alimentarmos espiritualmente e nos sentirmos fartos.

Outro ensino apresentado, é quando Jesus fala a multidão que o procuram não pelos sinais miraculosos que o Senhor fez, mas poque Ele os alimentou. E assim Ele nos mostra que conhece profundamente os nossos corações e sabe das nossas intenções, sabe quando realmente o buscamos ou quando procuramos realizar nossos interesses. Jesus abre nossos olhos, para que nós como humanidade O busquemos verdadeiramente, O busquemos como Filho de Deus, como o Dom da Vida, não com interesses… do que adiantará termos tudo e perdemos a nossa alma?

O nosso próprio Deus chama a nossa atenção para o buscarmos, Ele mesmo nos instruí para entendermos a sua Palavra e prepara o nosso coração para o recebermos. Nos mostra o significado espiritual em tudo aquilo que lemos na Bíblia, abre nosso entendimento para o adoramos e glorifica-lo. Ele se revela para nós como o Pão da Vida para que não tenhamos mais fome, não sintamos mais essa fome espiritual e sim sejamos saciados pelo Seu Espírito.

Texto de Sara Natália

Faça seu comentário e compartilhe!

avatar
  Inscreva-se  
Notificar a